14 novembro 2018 Dicas

Vale a pena implantar avaliação de desempenho na sua empresa? Entenda!

Gerir uma equipe é um dos maiores desafios para quem comanda uma empresa. É fundamental ter uma visão holística e intuitiva das necessidades e qualidades de cada funcionário. Afinal, a diversidade de pessoas abre um leque de possibilidades. Motivar, engajar, impulsionar e descobrir habilidades, tanto quanto reparar conflitos. Essas são as vertentes de um trabalho árduo de um líder que pretende conduzir um time com maestria.

Por isso, a avaliação de desempenho pode ser uma boa pedida. Além disso, é ideal implantar uma cultura empresarial com tentativas e resultados. Assim, avaliar seus colaboradores também o ajuda a descobrir a postura tanto individual, como coletiva da equipe. Essa ferramenta de gestão, além de impulsionar criatividade e produtividade, é um meio de manter gestor e colaborador conectados. Um benefício e tanto!

Etapas

Começar pela avaliação é a melhor opção. Assim, fica mais fácil desenvolver a relação com o colaborador. Além disso, se atentar aos detalhes da sua postura e o que pode ser exaltado e melhorado no seu rendimento profissional, também é importante. Assim como postura, comprometimento, limitações, progressos e novas ideias a serem discutidas. Um bom feedback deixa ambos os lados satisfeitos!

Já a segunda etapa é saber identificar os problemas e, junto ao funcionário, achar a melhor solução. A comunicação, nesse caso, deve ser clara e sem exaltações. Lembre-se de que contratempos existem e a resolução para eles não precisa, necessariamente, ser extrema.

A última e terceira etapa pode se desenvolver de duas maneiras: entrevistas periódicas, ou reuniões de equipe. Ambas sugerem que o objetivo é analisar a performance e evolução do funcionário. Dessa forma, orientando caminhos e, caso necessário, adotando medidas de planejamento para entender se há evolução ou estagnação de alguma tarefa ou comportamento. É importante criar um padrão para a a avaliação de desempenho. Ou seja, propor que ela aconteça de acordo com as necessidades da empresa e da equipe. Seja ela anual, semestral ou mensal. É fundamental que a avaliação incorpore a parte de comunicação da empresa, que deve ser clara e fluída.

Resultados

Quanto aos resultados, eles podem ajudar o negócio de diversas formas. As orientações e soluções propostas em conjunto podem ser benéficas. E isso não só para um funcionário em questão, como para a equipe e até a empresa toda. Lembre-se do ditado que diz que duas cabeças sempre pensam melhor do que uma.

É possível também encontrar uma identificação entre colaboradores e a cultura da empresa. Assim, conectando objetivos, valores e produtividade da equipe. A avaliação de desempenho também permite a descoberta de novos talentos e a implantação e trocas de ideias. Outro benefício é estabelecer a comunicação, que pode impulsionar não só a equipe e seu rendimento, como a empresa toda. Vale a pena investir nas trocas entre líder e colaboradores. Os resultados são sempre benéficos!

Leia mais sobre o assunto em:

Reduzir a carga horária de trabalho pode ser bom? Veja dicas de como aderir a esse novo formato!

 

 

Precisa de ajuda?

Preencha o formulário que entraremos em contato você!

Entre em Contato